2018-03-21

Dia Mundial da Poesia

Assírio & Alvim e Artistas Unidos juntos para celebrar o Dia Mundial da Poesia.

Partilhar:

Desde 1972 que a Assírio & Alvim celebra diariamente a poesia, mas no dia 21 de março, a poesia foi celebrada em voz alta.


No Dia Mundial da Poesia os Artistas Unidos abriram a porta da sua sala de ensaios à Assírio & Alvim e 5 atores dão voz a 5 poetas. João Meireles lê Alexandre O’Neill, Nuno Gonçalo Rodrigues lê Eugénio de Andrade, João Pedro Mamede lê Mário Cesariny, Catarina Wallenstein lê Sophia de Mello Breyner Andresen e Jorge Silva Melo lê Ruy Belo.


O ator e encenador Jorge Silva Melo lê o poema “Condição Humana“ de Ruy Belo.



A atriz Catarina Wallenstein lê o poema "Os nossos dedos" de Sophia de Mello Breyner Andresen.



O ator João Pedro Mamede lê o poema “Estação“ de Mário Cesariny.



O ator João Meireles lê o poema "Há Palavras que nos Beijam" de Alexandre O'Neill.



O ator Nuno Gonçalo Rodrigues lê o poema “As Palavras Interditas“ de Eugénio de Andrade.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK