O Vento da Noite

O Vento da Noite

ISBN:978-972-37-0672-7
Edição/reimpressão:04-2002
Editor:Assírio & Alvim
Código:78432
ver detalhes do produto
8,00€I
-10%
24H
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
24H
EM
STOCK
8,00€I
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H

SINOPSE

Mário Rui de Oliveira nasceu em Joane (Famalicão), em Abril de 1973. Estudou Teologia. Vive em Roma, onde prepara o seu doutoramento em Direito canónico. Interessa-se também pela tradução de alguns autores italianos. O Vento da Noite (com prefácio de Eugénio de Andrade) é o seu primeiro livro.

Poder-se-ia pensar que esta obra sonda, com o motivo da memória, a restituição de nós a nós próprios, o que, diga-se, é propósito suficiente para uma inteira arte poética. Mas esta narratio chega-nos ainda de mais longe, de uma anterioridade que persiste contra todo o esquecimento, de uma forma residual inapagável. Para o poeta Mário Rui de Oliveira, mais do que interpretar o que depois ressoa, interessa-lhe o diálogo com o que antes, o que dentro (dentro de nós e do mundo) canta. E assim se toca o coração desta poesia, delicada e reluzente, essencial nos seus recursos, mas extensa no seu domínio, tão sábia nessa deslocação aérea sobre um fio que é o pensar, o dizer, o sentir. Deste livro escreve Eugénio de Andrade, no Prefácio: «lidas as primeiras palavras, foi como se amanhecesse. Eram pequenos textos em prosa; na realidade eram breves poemas, de um ritmo preexistente, seguríssimo». O Vento da Noite representa a chegada de uma voz original à poesia portuguesa.

Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

O Vento da Noite
ISBN:978-972-37-0672-7
Edição/reimpressão:04-2002
Editor:Assírio & Alvim
Código:78432
Idioma:Português
Dimensões:146 x 205 x 5 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:56
Tipo de Produto:Livro
Mário Rui de Oliveira nasceu em Joane, em abril de 1973. Estudou Teologia e vive agora em Roma, onde se doutorou em Direito Canónico, sendo atualmente o chanceler do Supremo Tribunal da Assinatura Apostólica. Foi o responsável pela tradução de diversos livros de Tonino Guerra para português, todos publicados na Assírio & Alvim, onde lançou também o seu primeiro livro, O Vento da Noite, em cujo prefácio Eugénio de Andrade escreveu: «lidas as primeiras palavras, foi como se amanhecesse. Eram pequenos textos em prosa; na realidade eram breves poemas, de um ritmo preexistente, seguríssimo». Em 2003 publicou Bairro Judaico. O Livro da Consolação é o seu terceiro livro de poesia.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK