2019-09-26

Poesia e Prosa

Tao Yuanming, o «poeta da reclusão», chega às livrarias portuguesas

Partilhar:

Grande clássico da literatura chinesa e fonte de inspiração para outros poetas, Tao Yuanming é o autor que a Assírio & Alvim publica a 10 de outubro, na coleção Gato Maltês. Poesia e Prosa, com seleção e versões portuguesas do poeta Manuel Afonso Costa, é uma pequena antologia deste que foi o mestre do movimento da Poesia dos Campos e Jardins (tianyuan), uma poesia inspirada em temas pastorais, e que desde o século IV tem vindo a marcar a literatura chinesa.

Rejeitando o establishment, Tao Yuanming, que em certa altura se retirou com a família para uma aldeia, fala-nos da predileção por esta vida modesta e livre, apesar da pobreza. A sua poesia exprime uma pulsão pelo campo, onde escreve, desfruta da natureza, de um bom vinho, ou da companhia de um amigo. Em versos repletos de sinceridade e beleza, o poeta reflete assim sobre a passagem do tempo, a transitoriedade da existência e o seu significado.

SOBRE O AUTOR

Tao Yuanming (365-427), também conhecido como Tao Qian ou Tao Ch’ien, nasceu em Xunyang (atual Jiujiang), na China. É um dos maiores poetas chineses. Nascido numa família aristocrática empobrecida, Tao Qian trabalhou durante 10 anos num pequeno cargo público para sustentar os seus pais. Repelido, no entanto, pelo excesso de formalidade e pela corrupção generalizada, demitiu-se da sua função e retirou-se, com a mulher e os filhos, para uma pequena aldeia a sul do rio Yangtzé. Apesar das dificuldades da vida de agricultor e da frequente escassez de comida, Tao vivia satisfeito, escrevendo poesia, cultivando os crisântemos que se tornaram inseparavelmente associados aos seus versos, e bebendo vinho, outro tema comum na sua escrita. Essencialmente taoista na sua abordagem filosófica da vida e da morte, adotou também, livremente, elementos do confucionismo e do budismo.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK