Aves Dormindo Enquanto Flutuam (eBook)

haikus

avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
Formatos disponíveis
14,99€ I
-10%
COMPRAR
-10%
14,99€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I Disponibilidade Imediata

SINOPSE

Aves Dormindo Enquanto Flutuam, de Masaoki Shiki, encerra uma tetralogia de obras dedicadas aos Quatro Grandes da Poesia Haiku (iniciada com Matsuo Bashô e continuada com Kobayashi Issa e Yosa Buson), permitindo ao leitor português mergulhar na poesia oriental nos seus matizes, melodias e imagens plenos. Com introdução, notas e versões portuguesas de Joaquim M. Palma, deixemo-nos seduzir pelos singelos versos de Masaoka Shiki: «Pondo de parte as questões existenciais, o sofrimento e a morte, usufruamos, por agora, da magia e beleza que Shiki — um humano que adorava comer diospiros e questionar convenções — deixou ao mundo do futuro como herança do seu sentir poético.»
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

A Profunda Leveza da Poesia
Joaquim Moreira | 2021-12-10
Esta antologia do poeta japonês Shiki traz-nos o que há de melhor no Haiku - forma breve e luminosa, mas que no entanto persiste na nossa memória e se prolonga na nossa imaginação. Desta vez com um poeta que inova e que nos mostra que nesta forma tradicional de escrever poesia também cabe o efémero e o quotidiano. Respiramos o essencial do poema, despido de artifícios, muito longe da poesia ocidental palavrosa e redundande. Para quem ama a Poesia não há nada de mais precioso.

DETALHES DO PRODUTO

Aves Dormindo Enquanto Flutuam (eBook)
de Shiki
ISBN: 978-972-37-2203-1
Edição/reimpressão: 01-2022
Editor: Assírio & Alvim
Código: 67327
Idioma: Português
Páginas: 328
Tipo de Produto: eBook
Classificação Temática: eBooks > eBooks em Português > Literatura > Poesia

sobre Shiki

Masaoka Shiki, nome literário de Masaoka Noboru, foi um poeta e crítico literário japonês nascido na cidade de Matsuyama, em 1867. Desde cedo se dedicou à teorização e reforma das formas clássicas de composição lírica do Japão, tendo sido um dos principais promotores no desenvolvimento da modernidade na poesia haiku. A sua obra inclui perto de vinte mil versos, ensaios e artigos de jornal, afirmando-o como o último dos Quatro Grandes da Poesia Haiku. Morre em 1902, aos 34 anos de idade, de tuberculose.
Ver Mais