Casa das Sementes

Casa das Sementes

ISBN: 978-972-37-1151-6
Edição/reimpressão: 11-2006
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78646
ver detalhes do produto
19,00€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
19,00€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS

CRÍTICAS DE IMPRENSA

"Uma das vozes mais importantes que nos últimos anos se afirmaram é a de António Osório".
Carlos Reis, Jornal de Letras.

"Dez livros e trinta e cinco anos antologiados num substancial volume que é acima de tudo um compassivo e decantado elogio da poesia como consolação. [...] a maturidade tem sido sempre uma das marcas dos seus poemas: adultos, minuciosamente trabalhados, claros mesmo quando exigentes, com elipses e elisões, enumerações jubilosas, um uso reiterado mas nunca cansativo da dupla adjectivação, vocábulos muito escolhidos, instantes densos e alusivos, um modo interrogativo, o espanto, a delicadeza e uma ironia que se transmuda em piedade"."
Pedro Mexia, Diário de Notícias

"É sintomático que nos últimos 25 anos a recepção da sua obra tenha unido críticos de todas as gerações e tendências [...] Esta Casa das Sementes, que traz na capa um magnífico retrato do autor feito por Mário Botas, é um lugar de pacificação da poesia portuguesa."
Eduardo Pitta, Público, Mil Folhas

"A poesia de António Osório surge como afirmação única na poesia portuguesa contemporânea [e é] em toda a sua prodigiosa invenção verbal e humildade temperada de resistência, o elogio da vida em face da relaidade, inexorável, da morte."
António Carlos Cortez, JL

DETALHES DO PRODUTO

Casa das Sementes
ISBN: 978-972-37-1151-6
Edição/reimpressão: 11-2006
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78646
Idioma: Português
Dimensões: 146 x 205 x 22 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 400
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Poesia
Nasceu em Setúbal em 1933, filho de pai português e mãe italiana. Poeta e ensaísta é licenciado em Direito, exercendo atividade como advogado em Lisboa. Foi bastonário da Ordem dos Advogados e presidente da Associação Portuguesa para o Direito do Ambiente. Pertence, desde 1999, à Academia de Ciências de Lisboa, secção de Letras. Tem sido unanimemente considerado pela crítica como uma das vozes mais consistentes da poesia portuguesa contemporânea.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK