Diários de Viagem (eBook)

Formatos disponíveis
14,99€ I
-10%
COMPRAR
-10%
14,99€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I Disponibilidade Imediata

SINOPSE

Poucas vezes nos perguntamos onde estava, e em que condições vivia e pensava Walter Benjamin quando escreve este ou aquele texto, dos muitos que se podem ler nesta edição das suas Obras. É desse substrato biográfico, material e existencial da sua escrita que dão conta os Diários de Viagem incluídos neste oitavo volume. Esses diários são, juntamente com a correspondência que os acompanha, documentos importantes para conhecer melhor este pensador sem casa que viveu e escreveu em estado permanente de viagem, ou de exílio, não apenas como circunstância imposta de fora (como aconteceria nos anos trinta), mas como condição necessária, a do apelo do longe e do diferente que alimenta as derivas da vida e do pensamento, num movimento centrífugo constante, a partir da Berlim natal. Disso dão conta os diários incluídos neste volume, testemunhos vivos das deambulações de Walter Benjamin entre 1912 e 1938.
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

Diários de Viagem (eBook)
ISBN: 978-972-37-2214-7
Edição/reimpressão: 04-2022
Editor: Assírio & Alvim
Código: 67338
Idioma: Português
Páginas: 408
Tipo de Produto: eBook
Classificação Temática: eBooks > eBooks em Português > Literatura > Literatura de Viagem
Walter Benjamin nasceu em Berlim em 1892, no seio de uma família judaica. Estudou Filosofia em Berlim, Munique e Freiburg e doutorou-se em Berna (Suíça) no ano de 1919, com a tese A Crítica de Arte no Romantismo Alemão. A ascensão de Hitler e do nazismo obrigaram-no a fugir de Berlim, em 1933. Residiu sobretudo em Paris, com passagens por Itália e por Espanha. O medo de ser entregue à Gestapo e as dificuldades em passar a fronteira entre França e Espanha conduziram-no ao suicídio em 1940. Como legado deixou-nos uma obra filosófica de uma impressionante atualidade, onde se cruzam os assuntos que tentava compreender e estudar: História, Modernidade, Arte, Tecnologia, literatura dos séculos XIX e XX e a ascensão da cultura de massas, assim como numerosas traduções e análises literárias a Baudelaire, Brecht, Hölderlin, Kafka e Proust.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK